Tiago Almeida Nogueira http://tiagoalmeidanogueira.com Tiago Almeida Nogueira Mon, 11 Sep 2017 22:44:22 +0000 en-GB hourly 1 https://wordpress.org/?v=4.7.12 http://tiagoalmeidanogueira.com/wp-content/uploads/2016/03/cropped-imgpsh_fullsize-32x32.jpeg Tiago Almeida Nogueira http://tiagoalmeidanogueira.com 32 32 Top 4 Youtube Tips to Drive More Traffic to your Website http://tiagoalmeidanogueira.com/top-4-youtube-tactics-drive-more-traffic-your-website/ Mon, 11 Sep 2017 22:43:12 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=228 The main goal of this article is to explain how you can attract more visitors to your YouTube channel optimizing your videos. With more viewers, you will automatically get more subscribers. And then you will be able to convert those visitors and subscribers into traffic to your E-commerce platform. To help you with this strategy Read more about Top 4 Youtube Tips to Drive More Traffic to your Website[…]

The post Top 4 Youtube Tips to Drive More Traffic to your Website appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
The main goal of this article is to explain how you can attract more visitors to your YouTube channel optimizing your videos. With more viewers, you will automatically get more subscribers. And then you will be able to convert those visitors and subscribers into traffic to your E-commerce platform. To help you with this strategy I will highlight some of the best practices. Let’s move on and find the Top YouTube Tips to Drive more Traffic to your Website!

Drive-More-Traffic-YouTube-SEO-TiagoAlmeidaNogueira

1.1. The optimization of video titles

You can consider that the video title is most important part of your video, without a doubt. Your video title has two main functions:

  • Tell the search engine what your video is about. This part is related to search engine optimization and it will make easier the work of search engines if you make it easy to be understood.
  • Tell your viewer about your video is about. It is important that you also focus on your target as you are not going to create video content for the search engine “only”, but mainly for your audience. So make sure the first time you read it will be clear to know what is it about.

Drive-More-Traffic-YouTube-TiagoAlmeidaNogueira

Keep in mind that are certain aspects should be considered when you are creating titles for SEO:

  • Keyword – As the name says, your keyword is your most important word, right? So I suggest you place it at the beginning of your title. After your keyword, you can add the value proposition.
  • Relevancy –  Is it clear that your title specifics what is your video about?
  • Exact Phrase Matching – The perfect match here happens when you write the specific title that your audience will be typing in the search bar. Here are two secret tips: use YouTube’s auto-complete function – it will give you suggestions after you start typing your keywords. And also Google related Search Phases.
    Youtube-Autocomplete-Keyword-TiagoAlmeidaNogueira

1.2. How to use video descriptions to engage

In this part of the process, you are already starting to attract your visitors to the place you want them to go: your website. Although it is necessary that you understand how you can take advantage of your description as there you can write a lot and add links to other networks.

Here are some few tips that you should take into consideration:

  • Use your keywords in your video description. Take in mind that you should not spam the same words over and over again trying to trick the search engines. Remember that they are smart, however, you are writing for “people” not for computers.
  • Add links to your description, but links that make sense, otherwise you will trying to sell something that is not related to the content of the video your audience was watching. Create Call to actions to subscribe your channel like the image we present you below.
  • Create links with the URL Builder so you can source where that traffic came from. It is important for you to know if it really came from your YouTube description, YouTube video description, Playlist description, etc.
  • Use emojis. Make sure to use the right emojis related to what you are saying and more important than that, emojis that can be combined with feelings more than words.
  • Remember to create links for other related videos. I can give you a quick example: If you made a part 1 and part 2 to make the video shorter, it will be important if you can add each part in the other part description.
  • Create a specific section well divided for your other social media networks, so your audience can know a little bit more about you if they are new.
  • You can also create links for your different playlists or specific URLs for different parts of your video. In the minute 2:40 if you mentioned your Facebook Ads Ebook, you can create a shortcut to the minute 02:40 in the description and as you click on it, will open in the minute 2:40 immediately.

 

video-description-seo-tiagoalmeidanogueira

video-description-seo-tips-tiagoalmeidanogueira

1.3. The power of Thumbnails

A video thumbnail is a snapshot that let viewers see what is your video about and it illustrates it. Make sure that your video thumbnail has the best quality as possible, preferably HD.

I suggest you add some text in your image as it will be easier for your audience to recognize the theme that the video will be about. This can be a strategy combined with the video title as the text in the thumbnail does not count for SEO purposes.  

THUMBNAIL-YOUTUBE-SEO-TIAGOALMEIDANOGUEIRA

1.4. Endscreen to pursue visitors to watch more videos

Endscreen is one of the most recent tools that was designed for mobile purposes. It makes possible to add a call to actions for external URL’s inside your video, other videos related (or not) and a subscribe button. Although the endscreen tool is only available in the last 20 seconds of your video as you can not use it in the beginning, for example.

Here are some examples of how you can take advantage of your endscreen to make sure your audience goes to your E-commerce platform or even to related videos if you think it is too early to convert.

endscreen-conver-more-traffic-youtube-tiagoalmeidanogueira

These are some of the strategies I can suggest you drive more traffic to your website using YouTube, and I will be glad to know other you would like to share with me!

The post Top 4 Youtube Tips to Drive More Traffic to your Website appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Top 5 Tips: Sell More with Instagram http://tiagoalmeidanogueira.com/top-5-tips-sell-instagram/ Wed, 23 Aug 2017 21:58:54 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=196 Have you ever wondered how could you turn your followers into clients? My purpose with this article is to show you the Instagram top 5 tips every marketer needs to know to engage more with their followers and start directing that traffic directly to their online store, so they could turn into customers. But how Read more about Top 5 Tips: Sell More with Instagram[…]

The post Top 5 Tips: Sell More with Instagram appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Have you ever wondered how could you turn your followers into clients? My purpose with this article is to show you the Instagram top 5 tips every marketer needs to know to engage more with their followers and start directing that traffic directly to their online store, so they could turn into customers.

But how is it possible? It’s not easy, that’s true, however, it is possible as there are many companies and brands using some of these strategies. Stay focused for 10 minutes, it will be worth.

2.1. The power of BIO description

Your BIO is 1 of the 2 areas of your Instagram that can get your followers to your website and this is what makes it so important. In this area, you are going to highlight what is your Instagram page all about and if there is any news that your followers should know. Remember that you will get new followers every day, so it is important that you focus on a bio that communicates what you want your customers to hear. Here you have a good example:

Airbnb did it well! In the first part, you have a short introduction of what is this page all about and for those who already know it, there is a link where you can start booking! In my opinion, I would add some emojis to give a little more focus on the part of Booking. But they have also used the tactic of hashtags that I’ll talk later.
And here an example of a brand with almost 10 million followers not taking advantage of the audience:

2.2. The power of native photos

Coming to the second Instagram 5 Top Tips, when you go to Instagram, one of the things I like the most is seeing pictures of real people, without photoshop. I like to see how my friends are living and how brands can turn into “real people”. Although there are certain brands that did not get this. If you have the opportunity to upload native content and it is simple to produce, why are going to lose time and resources when that is not what your followers, and Instagram users in general, are looking?
Here you have a good example of what national geographic did (and did it well, very well, indeed) when the solar eclipse took place.

And where you have an example of what you should not do:

2.3. Hashtags – How to do it well

Honestly, I’ve realized that most part of the people using social media doesn’t understand how to use properly the hashtags. Worst is that social media manager or community managers don’t get it too.
The benefits of hashtags are that you can share your whole brand with different users all over the world with the same interests or that share the same content as you do.

Also, it is important that you understand that not all the hashtags are relevant or are not used for so many users. You got the example of #quoteoftheday. This hashtag is one of the most used all over the world and is associated with quotes from all types. Of course, it would be difficult for you to be found between 20 million.

Although there are other hashtags that do not have any use:

You can also start creating your own hashtag where you will be telling people to use when talking about you. With this you can track how many people are talking about your brand, what are they saying and who are them. You can find your most valued customers, those who defend your brand.

2.4. Stories – The right hook

In my personal opinion, I believe that Instagram stories are the right hook to convert your followers into customers. Instagram accounts like HubSpot, Entrepreneur, Buffer does it very well in terms of Stories. They take advantage of using them to pull their followers to different blog posts offering different topics as all of their followers won’t be interested in the same things.

Now, it’s not necessary your account to be verified to associate links, as Instagram is releasing them to all users, but not at the same time. As it says, Instagram stories are the best place to take advantage of storytelling to convert. Here are some examples of how to give the right hook! This is my favourite Instagram 5 Top Tips without doubts!

2.5. Influencers – The new word of mouth

Influencers are changing how brands communicate. They are not compared to brand ambassadors as they can be cheaper and in some times they just earn what they sell through their social media platforms. There are organizations that work exclusively with influencers. The first that comes to my mind is HAWKERS CO. They had a strategy where they contacted directly people that seem influent in Instagram and asked them if they would be interested in promoting their Brand in exchange for merchandising and products of the brand. Of course, for some people, this could be cool, however, if every influencer they get got, at least, 5,000 people they will communicate to millions without spending money on advertising. Here you got two examples of how to communicate to more than 100,000 people without spending a simple penny on Ads.

 

 

 

 

 

With only 2 days, these two photos got more something like 4,000 likes from different countries. This happens because they are influencers in their region as you can see by a number of followers they got:

 

Have you noticed that Valentina did better than Gianmarco on her BIO? Unfortunately, Gianmarco got all of those followers but still doesn’t know how to properly use Instagram and take advantage in this situation. So, if I want to collaborate with Valentina, I know the easier way to get there. But if I want to speak with Gianmarco and he doesn’t follow me, my message won’t appear instantly as it will appear as a request for a message in the top right corner of his direct message inbox.

These are some tips that I’ve been learning and studying for a lot of time and for what I’ve been seeing in other brands, it really works! So, give it a try and say me what was the result.

 

 

The post Top 5 Tips: Sell More with Instagram appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
5 Ferramentas Essenciais: Content Marketing Strategy http://tiagoalmeidanogueira.com/5-ferramentas-digital-content-marketing-strategy/ Mon, 07 Aug 2017 21:44:26 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=181 Digital Content Marketing Strategy Tools Será que a sua empresa é daquelas que necessita de uma Content Marketing Strategy? Todas as empresas necessitam de uma content marketing strategy que as ajude a atrair novas pessoas para o seu negócio. A verdade é que até podem não estar a utilizar uma e a ser bem sucedidas, mas Read more about 5 Ferramentas Essenciais: Content Marketing Strategy[…]

The post 5 Ferramentas Essenciais: Content Marketing Strategy appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>

Digital Content Marketing Strategy Tools

Será que a sua empresa é daquelas que necessita de uma Content Marketing Strategy?

Todas as empresas necessitam de uma content marketing strategy que as ajude a atrair novas pessoas para o seu negócio. A verdade é que até podem não estar a utilizar uma e a ser bem sucedidas, mas isso só quer dizer que com uma estratégia digital de conteúdos, os seus resultados seriam algo fabuloso.

Mas de que forma é que conseguimos atrair leitores para os nossos conteúdos e que estes se disseminem na internet? Uma estratégia de conteúdos alinha-se, lado a lado, com uma estratégia de social media marketing!

Contudo, vou revelar (apenas) 5 ferramentas essenciais de Content Marketing Strategy que utilizo diariamente para aumentar a minha produtividade e conseguir conciliar todas as minhas responsabilidades.

1. WordSwag

As típicas frases motivacionais ou inspiracionais são algo que surgiu com o instagram e que rapidamente obtiveram imensos fãs. Exemplo disso é o The Good Quote que conta com mais de 12 milhões de seguidores.

Esta aplicação permite fazer algo criativo em relativamente pouco tempo. Uso bastante, pois permite-me criar pequenas frases motivacionais para partilhar nas minhas redes sociais escolhendo um tipo de letra e uma imagem de fundo.

Escolhemos a frase com que mais nos identificamos uma imagem que esteja em sintonia com a nossa frase e instantes depois temos conteúdos pronto a ser partilhado com os nossos seguidores.

Não se esqueça que criar conteúdo por criar não é a solução. Se não tem conteúdo para partilhar naquele dia, não partilhe. Crie uma estratégia que seja coerente e teste, mas teste muito. Pois só testando saberá o que resulta com a sua audiência.

2. PostPlanner

Diariamente são partilhados milhares de conteúdos nas diferentes plataformas de social media, o que quer dizer que este conteúdo poderá ser uma mais-valia na sua estratégia, pois é sabido que devemos seguir as boas práticas e aprender com quem faz bem.

O PostPlanner é uma ferramenta de Analytics e Big Data que recorre à análise de dados de páginas dos seus concorrentes, entre outros, de forma a analisar os melhores conteúdos que são partilhados pelos mesmos.

O PostPlanner irá assim mostrar-lhe quais são os melhores conteúdos baseado num sistema de ranking do engagement. A partir daí, e uma vez que irá analisar páginas de concorrentes e empresas/marcas dentro do seu sector de atividade, poderá constatar rapidamente quais são os conteúdos a incluir na sua estratégia para testar com a sua audiência.

Claro que o que resulta para terceiros poderá não resultar para si, mas é mais fácil usar este meio do que supor. O “Achómetro” não é uma ferramenta de Social media Analytics acerta.

3. ViralContentBee

Uma das fases mais difíceis da nossa digital content marketing strategy é conseguir que o nosso conteúdo seja partilhado e, se possível, que se torne viral!

Contudo, descobri recentemente algo que me fez respirar de alívio na hora da partilha do conteúdo. Descobri que como eu, há mais content marketeers que têm poucas visualizações nos seus conteúdos, apesar de isso não provar que eles não têm qualidade, só que é cada vez mais difícil alcançar a nossa audiência recorrendo apenas a conteúdos orgânicos.

A Viral Content Bee é a plataforma de crowd-sourcing que nos permite aumentar o nosso número de likes e tweets a partir de outros utilizadores de social media que estão bem longe da nossa rede.
Isto é bom por duas razões. Primeiro, o conteúdo mantêm-se orgânico e se é partilhado, é porque realmente tem valor aos olhos de outros utilizadores. Além disso, é um sinal para os motores de busca, nomeadamente o Google, além de que há cada vez mais pessoas atentas ao nosso conteúdo. Não há nada melhor do que um conteúdo orgânico tornar-se viral!

4. Traackr

Apesar de ainda não ser algo que esteja completamente implementado em Portugal, os influenciadores têm ganho cada vez mais destaque na forma como as empresas promovem e divulgam o seu conteúdo.

Atualmente, e apesar de esse não ser o caminho correto, as empresas trabalham com influenciadores que promovem os seus produtos em publicações em formato product placement, deixando-os completamente à parte da estratégia de conteúdos.

Contudo, na minha visão, acredito que os influenciadores podem, e devem, fazer parte desta estratégia de conteúdo. Quando existe uma colaboração de um influenciador, ou de um terceiro, quer seja num artigo, quer seja na divulgação do produto, esta deve ser o mais transparente possível, adotando sempre o ponto de vista de quem colabora.

Quais são os benefícios? Isto irá ajudar a que o seu conteúdo se torne viral pois quem colabora consigo tem uma rede que poderá ser diferente da sua, ou seja, poderá influenciar outras pessoas, sendo que se duplicam as hipótese de se tornar viral, além de que há alguém que dá a cara pelo seu conteúdo, ainda para mais sendo alguém respeitado e com grande visibilidade e reputação.

5. Trello

Se estiver a falar com um freelancer, obviamente que a parte de ser gratuita será um factor a ponderar na hora de escolher uma ferramenta, não concorda?

Esta é a ferramenta ideal, simples e prática para que consiga organizar a sua estratégia de digital content marketing depois de ter o seu conteúdo criado e pronto a ser publicado. Apesar de ser uma ferramenta muito simples de usar, e permitir a colaboração entre vários utilizadores, além de permitir que cruze dados com o Google Drive, Dropbox, OneDrive, entre outros. O Trello permite sincronizar com todos os seus dispositivos.

Estas são 5 ferramentas essências na sua estratégia de Digital Content Marketing, mas há ferramentas que poderão substituir as que lhe sugeri, bem como muitas outras que ajudam a suprimir falhas que poderá encontrar. Estas são aquelas que considero essenciais e que deverá começar a utilizar, caso já não utilize, no seu dia-a-dia.

Futuramente irei divulgar outras ferramentas, caso tenha notado que este artigo foi útil para alguns!

The post 5 Ferramentas Essenciais: Content Marketing Strategy appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
5 Tendências para 2017 http://tiagoalmeidanogueira.com/5-tendencias-para-2017/ Wed, 24 May 2017 21:25:10 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=166 Ano após ano são criadas novas tendências dentro dos mais variados temas, e no que toca à Internet, é impossível prever quais são as tendências do próximo ano, mas uma vez que já nos encontramos quase a meio de 2017 podemos enumerar algumas que estão a ganhar um enorme peso, e importância, junto dos utilizadores. Read more about 5 Tendências para 2017[…]

The post 5 Tendências para 2017 appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Ano após ano são criadas novas tendências dentro dos mais variados temas, e no que toca à Internet, é impossível prever quais são as tendências do próximo ano, mas uma vez que já nos encontramos quase a meio de 2017 podemos enumerar algumas que estão a ganhar um enorme peso, e importância, junto dos utilizadores.

tendencias-do-marketing-digital-em-2017

1. Storytelling

Apesar de já não ser uma novidade, a verdade é que algumas redes sociais decidiram apostar num storytelling mais informal através da criação de “histórias” com limite temporal, inspiradas no Snapchat. Instagram e Facebook foram procurar inspiração junto desta rede social, roubando-lhe o seu factor diferenciador. Instagram Stories, Facebook Stories, Instagram Live e Facebook Live são algumas das formas de utilizar o storytelling alinhando-o com a política de comunicação da sua marca, de uma forma mais informal e leve.

Storytelling

2. Chatbots

Os chatbots enquanto ferramenta de inteligência artificial são, sem dúvida, uma mais-valia para as organizações e um novo estudo lançado recentemente prova isso mesmo. Taxas de receptividade a rondar os 80% são dados fidedignos e que mostram a abertura dos utilizadores a estes meios de comunicação. As companhias aéreas, agências de comunicação, como é o caso da CNN, marcas de vestuário, como a Tommy Hilfiger, já estão por dentro do assunto e já são experientes. Apesar de uma das primeiras organizações a utilizar, em Portugal, ser o El Corte Inglês, há outras a seguir o mesmo caminho.

banner_chatbot

3. Utilizadores Poderosos

As marcas começam a dar cada vez mais importância ao que se diz sobre as mesmas, na internet, devido à importância que uma simples partilha pode ter no seu negócio. As opiniões pessoais começam a atingir proporções enormes e as redes sociais estão cada vez mais otimizadas para dar voz aos perfis em detrimento das páginas.

Além disso, os utilizadores poderão escolher de forma mais segmentada o que ver, tendo em conta os seus interesses.

4. Crescimento do Instagram

O instagram enquanto rede social ganha cada vez mais destaque, uma vez que muitos dos utilizadores migram de outras redes sociais para lá, como é o caso do snapchat, onde já é possível fazer tudo que se fazia na mesma. A rede é mais “clean”, privilegia a estética e os graus de privacidade são maiores. Além disso, o instagram é utilizado por uma população mais jovem, sendo que a população com idades entre os 45-60 anos começa a chegar aos poucos.

Instagram

5. Reach Orgânico

Principalmente o algoritmo do Facebook está cada vez mais focado em conteúdo pago do que em conteúdo orgânico. Aquilo que é orgânico começa a ter um espaço muito reduzido nos nossos feeds e a prova disso é o conteúdo que chega das nossas páginas até aos nossos seguidores. Para ultrapassar estes dificuldades só investindo em publicidades (ads) segmentados, de uma forma correta, para o nosso público-alvo, que será aquele que tem interesse em ver os nossos conteúdos. Além disso, uma estratégia de conteúdos alinhada com uma estratégia de social media será meio caminho andado para que consigamos produzir aquilo que é procurado pelos nossos seguidores.

The post 5 Tendências para 2017 appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
5 Trends de Video Marketing em 2017 http://tiagoalmeidanogueira.com/5-trends-de-video-marketing-em-2017/ http://tiagoalmeidanogueira.com/5-trends-de-video-marketing-em-2017/#respond Wed, 01 Mar 2017 22:18:05 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=145 1. Email Marketing com Vídeo Conjugar o conteúdo em formato vídeo com a estratégia de email marketing é uma estratégia muito importante e sensata. Isto poderá levar a que a sua taxa de abertura seja maior, porque o público espera sempre que os vídeos sejam mais interessantes e curtos. Até porque dá menos trabalho ao utilizador Read more about 5 Trends de Video Marketing em 2017[…]

The post 5 Trends de Video Marketing em 2017 appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
1. Email Marketing com Vídeo

Conjugar o conteúdo em formato vídeo com a estratégia de email marketing é uma estratégia muito importante e sensata. Isto poderá levar a que a sua taxa de abertura seja maior, porque o público espera sempre que os vídeos sejam mais interessantes e curtos. Até porque dá menos trabalho ao utilizador final.

video email marketing

2. Vídeos em Múltiplos canais

É cada vez mais óbvio, e do conhecimento geral, que o vídeo está a ganhar destaque pela sua facilidade e pelo formato que o conteúdo adopta. Além disso, o vídeo permite fazer várias coisas em simultâneo. O número de pessoas que utilizam vários dispositivos em simultâneo é cada vez maior. Há indivíduos que utilizam um tablet e um smartphone, bem como na sua grande maioria, os utilizadores usam bastante os dispositivos móveis enquanto estão a utilizar a televisão.

Assim que um vídeo esteja disponível numa plataforma (youtube, vimeo, etc.) deverá distribui-lo pelas diferentes redes sociais, de modo a captar seguidores dessas outras redes.

Mobile video

3. Aumento do Live Stream (Vídeo em Direto)

O Facebook está cada vez mais a apostar nos vídeos em direto e a confirmação disso são os meios de comunicação que aumentam a utilização do Facebook Live para transmitir notícias, informar em primeira mão, bem como para fazer situações “behind the scene” em que mostram um pouco do que é a sua organização e de quem nem tudo é perfeito, dando um pouco daquilo que as pessoas pretendem e têm curiosidade. Um bom exemplo disto foi quando o Web Summit 2017 teve Live Stream das suas main talks, para que aqueles que não puderam estar presentes, pudessem ter acesso ao conhecimento. Não se esqueçam também do snapchat, apesar de ser para um público mais jovem, é uma rede social em grande crescimento.

livestream

4. Storytelling

A verdade é que sempre esteve presente, mas recentemente começou a ganhar certo destaque, pela possibilidade de se conseguir criar histórias que envolvessem a comunidade e que criassem relações das marcas com os consumidores, através do apelo a sentimentos e a certas emoções.

Saber o que queremos transmitir, estruturar de uma forma correta e que “toque” os nossos consumidores é a chave para que seja um sucesso.

magic open book of fantasy stories

5. Conteúdo Temporário

E uma vez que mencionamos o snapchat, faz todo o sentido mencionar o conteúdo temporário que é cada vez mais uma opção por parte das marcas, com o objetivo de criar exclusividade para os seus seguidores, para os manter alerta e “à espreita” do que poderá estar para vir todos os dias. E com isto, queremos dizer que não há edição e é tudo muito transparente. Os utilizadores do snapchat são, na sua maioria, millennials. Este conjunto de indivíduos gosto de transparência e não de meias-verdades. Se os pretende atingir, o snapchat é a rede certa e é lá que encontra o conteúdo temporário, que apenas estará disponível para quem o siga constantemente.

content marketing

The post 5 Trends de Video Marketing em 2017 appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
http://tiagoalmeidanogueira.com/5-trends-de-video-marketing-em-2017/feed/ 0
5 Factores para Optimizar o Ranking dos Vídeos no Youtube http://tiagoalmeidanogueira.com/5-factores-para-optimizar-o-ranking-dos-seus-videos-no-youtube/ http://tiagoalmeidanogueira.com/5-factores-para-optimizar-o-ranking-dos-seus-videos-no-youtube/#respond Tue, 18 Oct 2016 21:37:00 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=130 Sabia que é possível optimizar um vídeo da mesma forma que optimizamos uma página na web? O processo não é idêntico, contudo alguns factores chave são essenciais para posicionar o seu vídeo no Youtube. Por ordem de importância, estes são os principais influenciadores do ranking de um vídeo no Youtube: 1 – Meta Data [Título, descrição Read more about 5 Factores para Optimizar o Ranking dos Vídeos no Youtube[…]

The post 5 Factores para Optimizar o Ranking dos Vídeos no Youtube appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Sabia que é possível optimizar um vídeo da mesma forma que optimizamos uma página na web? O processo não é idêntico, contudo alguns factores chave são essenciais para posicionar o seu vídeo no Youtube. Por ordem de importância, estes são os principais influenciadores do ranking de um vídeo no Youtube:

seo-para-youtube-dicas-para-otimizar-seus-videos

1 – Meta Data [Título, descrição e tags]

Os títulos, as descrição e as tags formam o top 3 dos grandes influenciadores do ranking dos vídeos no youtube. Como acontece na optimização das páginas da web, as palavras-chave devem ser colocadas no início do título.

Nas descrições deve colocar informação sobre a sua organização para que o utilizador navegue facilmente através das suas restantes redes sociais. Do Youtube consiga ir até ao facebook e do facebook até ao seu website.

As tags são importantes pois são palavras-chave que o ajudam a ser encontrado tendo em conta a pesquisa que é feita por um utilizador. Neste caso, se fazemos upload de um vídeo sobre uma review de um  Samsung S7 Edge, algumas das tags serão: Samsung, Smartphone, samsung s7 edge, best smartphone, S7 Edge, entre outras.

 

2 – Qualidade dos Vídeos

Vídeos que tenham uma qualidade HD ou superior, neste caso 4K, serão privilegiados, uma vez que são aqueles que se acredita que os utilizadores procurem. Todos os vídeos com qualidade inferior a HD podem ser confundidos como ruído o que aumentará o número de dislikes no canal, e que por sua vez irá diminuir o seu ranking.

 

3 – Visualizações, Likes & Partilhas 

O ranking dos vídeos no youtube é também afetada pelo número de visualizações, likes, e também dislikes (de forma negativa) e pelas partilhas pelos restantes utilizadores, o que nos diz que o vídeo tem a qualidade e informação pertinente de ser partilhada. Contudo, publicar um vídeo no seu canal não deverá apenas passar por fazer o upload e preencher todos os campos necessários. Deverá existir uma estratégia de partilha:

  • Nas suas restantes redes sociais;
  • Colocar no seu website ou loja online;
  • Produzir parcerias para partilhar o vídeo em sites e blogs relacionados com a temática.

 

4 – Thumbnails

Para cada vídeo há uma opção disponível de utilizar um thumbnail que poderá ser criado de raiz por si ou utilizando um dos que é gerado automaticamente no momento de upload do vídeo (pré-definido pelo Youtube). Este thumbnail deverá respeitar os 640 x 360 e os 16:9, além de que deverá ser explícito daquilo que irá tratar o vídeo e deverá captar a atenção do utilizador, no momento em que o mesmo escolhe qual dos vídeos poderá responder melhor à sua questão ou dúvida. Deverá causar interesse e de fácil leitura.

 

5 – Anotações & Cards

As anotações são uma das funcionalidades disponíveis pelo Youtube para se criarem Call-to-action para captar uma lead, gerar uma venda ou uma subscrição. Através desta funcionalidade é possível enviar os seus seguidores para outros vídeos, pedir-lhes para subscrever o seu canal, encaminha-los para o seu website, ou até mesmo sugerir que deixem um like no seu vídeo. Poderá ver um bom exemplo disso na imagem abaixo.

 

Os cards é uma das funcionalidades mais recentes do Youtube que estão pensadas para mobile, uma vez que as anotações não são mobile-friendly. Através destes poderá criar call-to-action para visitar outros vídeos, artigos do seu blog, ir para a sua loja online, contudo não poderá usar os mesmos para colocar um link para subscrever o seu canal. Um bom exemplo de um pedido de ação para uma venda é o que se pode ver na imagem abaixo.

youtube cards

Apesar de não implicar, diretamente, consequências a nível de ranking, o branding nos seus vídeos é muito importante, pelo que poderá criar uma marca de água em todos os seus vídeos para que possam ser facilmente identificados por quem os encontre de forma aleatória, numa rede social ou através de uma pesquisa mais geral.

Se gostou deste artigo e pretende saber mais sobre social media marketing, acompanhe mais dos meus artigos e deixe o seu like na minha página do Facebook aqui!

 

 

The post 5 Factores para Optimizar o Ranking dos Vídeos no Youtube appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
http://tiagoalmeidanogueira.com/5-factores-para-optimizar-o-ranking-dos-seus-videos-no-youtube/feed/ 0
5 Dicas para Vender usando o Youtube http://tiagoalmeidanogueira.com/5-dicas-para-vender-com-youtube/ http://tiagoalmeidanogueira.com/5-dicas-para-vender-com-youtube/#respond Mon, 17 Oct 2016 20:58:47 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=121        Sabemos que a cada ano que passa há uma nova revolução na web e 2016 poderá  ser, certamente, o ano do vídeo. O que quer dizer que se estamos a falar de vídeo também temos que temos que falar de Youtube! Esta é, sem dúvida, o maior social media destinado exclusivamente a este Read more about 5 Dicas para Vender usando o Youtube[…]

The post 5 Dicas para Vender usando o Youtube appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
       Sabemos que a cada ano que passa há uma nova revolução na web e 2016 poderá  ser, certamente, o ano do vídeo. O que quer dizer que se estamos a falar de vídeo também temos que temos que falar de Youtube! Esta é, sem dúvida, o maior social media destinado exclusivamente a este tipo de conteúdo. É cada vez mais evidente que as marcas estão a apostar na criação de canais diferenciados e que transmitam o que é a sua marca. Na imagem abaixo podemos sentir o poder de sucesso que tem esta rede social, ou não fosse o segundo maior search engine da internet.

Youtube statistics

Todos os que possuem uma conta de email da google, são automaticamente utilizadores do YouTube, pela ligação que existe entre a conta do gmail e esta rede social. Os millennials (nascidos desde 1982) são os que mais valorizam esta rede social, porque muito provavelmente reconhecem o seu valor.

Mas como pode a sua marca tirar todo o proveito desta rede social e impulsionar as suas vendas? Não há fórmulas milagrosas, mas com estas 5 dicas estará, certamente, a melhorar a sua performance, a curto prazo:

 

1 – Personalize o seu canal

Um canal personalizado, e de forma profissional, será mais receptivo a receber novos seguidores, que não conhecem a sua marca, e procuram aquilo que possivelmente tem para oferecer. Coloque o seu logótipo na zona do ícone do canal, crie um banner personalizado para colocar no topo do seu canal, que funcionará exatamente como tem no Facebook e Twitter, mas com medidas diferentes. Além disso, personalize o URL do seu canal para algo que seja fácil e intuitivo de partilhar e, claramente, alusivo à sua marca. Contudo para personalizar este URL o seu canal terá que preencher um mínimo de requisitos:

  • Ter um mínimo de 500 subscritores;
  • Ter mais de 30 dias desde a criação;
  • Ter uma foto no ícone do canal;
  • Ter um banner no canal.

2 – Palavras-chave do canal e o País

As palavras-chave que defina para o seu canal serão muito importantes para o resultado de futuras pesquisas e para o que irá mostrar aos seus seguidores, e futuros seguidores, quando estes procurarem mais informações sobre o seu canal. Se tem um canal ligado a jogos online (gaming), as palavras-chaves devem incidir em palavras relacionados com isso mesmo: gaming, jogos online, online games, digital sports, entre outras.

O país também será importante. Se o seu conteúdo estiver, por exemplo,em português, necessita de colocar o seu país de destino corretamente. Neste caso, provavelmente seria Portugal ou Brasil. Caso o seu conteúdo se destine a vários países, utilizando a língua inglesa, provavelmente não terá sentido preencher este campo, pois não conseguirá seleccionar várias alternativas.

 

 

3 – Descrição do canal

A parte inicial de impulsionar a criação de um canal é a mais difícil, pois é desconhecido, o conteúdo é pouco e poucos são aqueles subscrevem um canal dando-lhe o benefício da dúvida. Deste modo é fundamental que dê toda a informação necessária para que o seguidor/utilizador se interesse pelo que estará para vir no seu canal. Deste modo, deverá preencher a informação disponível na secção about me sobre o propósito do seu canal, o tema principal e o que pretende atingir.

Não se esqueça que nessa mesma secção tem a informação disponível sobre as hiper ligações das restantes redes sociais, website e loja online, para onde poderá encaminhar o utilizador.

 

4 – Encaminhe para o seu canal

Como faz com a sua página de Facebook, a conta no Twitter ou a sua página no Instagram, não se esqueça de reencaminhar o seu público para o seu canal de Youtube. Poderá colocar esta informação na sua assinatura de e-mail através de uma imagem, no “sobre mim” do seu Facebook, bem como nas restantes redes sociais, e acima de tudo, no seu website ou loja online. Se o seu objetivo é colocar os utilizadores a visualizar os seus vídeos para os levar a uma ação, este poderá ser o caminho certo para si!

 

5 – Página Principal do canal

A página principal é a primeira que irá aparecer aos seus seguidores e/ou futuros seguidores quando entram no seu canal. Deverá utilizar a opção de “featured video feature” que irá permitir que use um vídeo principal na sua página principal. Este vídeo poderá ser a porta de entrada para a sua “casa”, logo é essencial que resuma aquilo que é o seu canal, o seu serviço, aquilo que pretendia transmitir a alguém que se encontrasse à sua frente e lhe fizesse a pergunta: “sobre o que é este canal?”.

Além disso, terá a possibilidade de colocar listas de reprodução nesta página principal. Essas listas de reprodução agregam vídeos com algo em comum (ex: jogos de ação, jogos de desporto, entre outros). Quanto mais listas de reprodução diferenciadas tiver na sua página principal, maior será a possibilidade de interesse por parte dos seus seguidores. Poderá criar listas de reprodução para os vídeos mais visualizados, por exemplo. O principal objetivo é que apresenta conteúdo de interesse, e que seja o que os seus seguidores procuram. Não se esqueça que quem ordena o conteúdo é o seu público-alvo!

 

Se pretende saber mais sobre Youtube Marketing acompanhe o meu próximo artigo disponível na próxima semana sobre Video Ranking Factors no Youtube. Para mais artigos relacionados com social media, poderá seguir a minha página de Facebook, bem como os meus restantes artigos disponíveis nesta minha página.

 

The post 5 Dicas para Vender usando o Youtube appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
http://tiagoalmeidanogueira.com/5-dicas-para-vender-com-youtube/feed/ 0
5 Ferramentas de Produtividade para Social Media Managers http://tiagoalmeidanogueira.com/5-ferramentas-produtividade-social-media/ http://tiagoalmeidanogueira.com/5-ferramentas-produtividade-social-media/#respond Mon, 25 Apr 2016 12:06:13 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=112 Se tem a função de social media manager, community manager, gestor de redes sociais, entre outras designações, sabe como é complicado gerir tanta informação, planear estratégias constantemente, para diferentes clientes, diferentes marcas, o que leva a que a produtividade, por vezes, não seja a maior. Assim, há certas ferramentas que estão ao seu dispor para Read more about 5 Ferramentas de Produtividade para Social Media Managers[…]

The post 5 Ferramentas de Produtividade para Social Media Managers appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Se tem a função de social media manager, community manager, gestor de redes sociais, entre outras designações, sabe como é complicado gerir tanta informação, planear estratégias constantemente, para diferentes clientes, diferentes marcas, o que leva a que a produtividade, por vezes, não seja a maior. Assim, há certas ferramentas que estão ao seu dispor para o ajudar a organizar-se e a torna-lo mais produtivo.

Assim, criei uma lista de 5 ferramentas que, no meu entender, são essenciais para qualquer social media manager que pretenda tornar-se mais produtivo e metódico.

Social media tools for social media managers

1. A melhor forma de armazenar conteúdo para mais tarde

O Evernote é possivelmente uma das melhores ferramentas disponíveis actualmente. Ela permite-lhe criar um armazenamento de ideias, conteúdos e locais onde encontrou inspiração, e permite sincronizar todos os seus dispositivos. Por isso, quer esteja no smartphone, no tablet ou no computador, quando não estiver inspirado e bloqueado, poderá aceder a todos os conteúdos interessantes que armazenou anteriormente, de forma a premir o seu gatilho mental e disparar novas ideias.

2. Guarde todas as suas credenciais para redes sociais, sites e emails, pois armazenar toda essa informação num documento de texto não é a solução!

A 1Password é uma ferramenta que lhe permite armazenar todas as suas credenciais de autenticação de forma rápida e bastante segura, sendo que está disponível para todas as plataformas, desde iOS, Android, Windows e ainda como uma extensão para o seu browser.

3. Está constantemente à procura de novas imagens para as suas publicações e conteúdos, não estou correto?

A TinEye é uma ferramenta poderosíssima, pois permite-lhe, através do upload de uma foto ou da introdução do seu url, a sua origem e o seu autor, encontrando todas as outras imagens e/ou fotos iguais, com diferentes URL’s, fontes e/ou localização na internet.

4. Já se deparou com algum website que usa plugins que adoraria saber quais são e usar no seu próprio website?

A BuiltWith é a ferramenta ideal para quem procura conciliar o melhor de tudo o que encontra. Com esta ferramenta conseguirá obter uma lista detalhada de todos os plugins que o site atual está a usar.

5. Certamente já trocou alguns emails profissionais, em que por diversas vezes ponderou se aquela pessoa existe mesmo ou se poderia ser uma partida de mau gosto, bem como a concorrência a tentar saber mais sobre si?

Por esta nossa necessidade de sabermos quem é quem, a Rapportive é a ferramenta ideal que lhe permite descobrir a pegada digital, também conhecida como digital footprint. Instalando esta aplicação, conseguirá ver as redes sociais da pessoa com quem está a trocar emails, sem que necessite de fazer uma pesquisa.

social-media-banner

Certamente que estas são apenas algumas das ferramentas que uso diariamente e, que algumas delas deparei-me há pouco tempo, pretendo partilhar convosco.

Claro que há várias outras que poderia publicar, mas não seriam essenciais. Se necessitarem de outras ferramentas e tiverem questões, podem contactar-me através do meu Linkedin, em que terei todo o gosto em ajudar-vos no que estiver ao meu alcance.

The post 5 Ferramentas de Produtividade para Social Media Managers appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
http://tiagoalmeidanogueira.com/5-ferramentas-produtividade-social-media/feed/ 0
Ecommerce: 5 Perguntas Básicas Antes de Criar a Sua Loja Online http://tiagoalmeidanogueira.com/ecommerce-perguntas-antes-de-criar-loja-online/ http://tiagoalmeidanogueira.com/ecommerce-perguntas-antes-de-criar-loja-online/#respond Thu, 07 Apr 2016 22:16:06 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=98 Se a sua loja tem boas receitas mensais e mesmo assim não está posicionado a nível online, a verdade é que pode estar a perder uma oportunidade de ouro de aumentar o seu rendimento mensal. Claro que uma loja online nem sempre é fácil de criar, mas com o acesso às novas tecnologias, plataformas como Read more about Ecommerce: 5 Perguntas Básicas Antes de Criar a Sua Loja Online[…]

The post Ecommerce: 5 Perguntas Básicas Antes de Criar a Sua Loja Online appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Se a sua loja tem boas receitas mensais e mesmo assim não está posicionado a nível online, a verdade é que pode estar a perder uma oportunidade de ouro de aumentar o seu rendimento mensal. Claro que uma loja online nem sempre é fácil de criar, mas com o acesso às novas tecnologias, plataformas como a Udemy, Coursera, e até mesmo o Youtube, são uma preciosa ajuda para encontrar tutoriais de como criar uma loja online básica, e rapidamente, pois nós bem sabemos que os negócios pequenos têm uma verba reduzida, e com falta de pessoas qualificadas para esta área em específico. Caso necessite de um profissional especializado nesta área, recomendo-lhe desde já o Sílvio Tiago Almeida, uma referência para mim.

E-Commerce Banner Tiago Almeida Nogueira

Sendo assim, dê muita importância a estas 5 questões na altura de criar a sua loja online

  1. Por onde começar a construir uma loja online?

Se já tem um site, será mais fácil incorporar um modelo de Ecommerce, se possível, dentro do site já existente. Se tal não for possível, ou criar incompatibilidades, recomendo-lhe que pondere em repensar novamente a sua presença online desde o início. Até aqui tudo certo, mas como dito anteriormente, não tem as skills necessárias para criar um site, correto? Sendo assim, há várias possibilidades. Pode ponderar em contratar uma agência especializada, um consultor freelancer ou até mesmo, se tiver uma disponibilidade maior, seguir um tutorial, dos muitos que se encontram no Youtube. Se escolher por criar o seu site em WordPress, tenha em atenção que em Portugal há uma comunidade muito grande, onde poderá encontrar freelancers especializados a um preciso bastante acessível.

 

2. Sistema de Pagamento 

O sistema de pagamento é algo complexo numa primeira abordagem, mas fácil de instalar. Contudo, o mais importante de tudo é ter em atenção as várias opções que existem. Na maior parte das lojas online, o sistema de pagamento que domina é o PayPal pela segurança que transmite aos clientes, e pela possibilidade de fazer Recall ao pagamento.  Contudo, a percentagem que o PayPal cobra ainda é bastante alta, pelo que muitos utilizadores continuam a preferir utilizar o cartão de crédito para os pagamentos. Estes são os métodos mais seguros, apesar de parecerem mais complicados e que darão credibilidade à sua loja online, protegendo o cliente. Em nenhuma circunstância utilize o pagamento por transferência bancária (NIB/IBAN).

3. Custos de Envio

Como é que irá calcular os custos de envio dos seus produtos? Se enviar para toda a Europa, como irá fazer essa diferenciação? Por país? Por transportadora? Irá utilizar a mesma para Portugal e Alemanha? São questões que deverá ter em consideração antes de iniciar o envio de qualquer encomenda. Mas irá notificar os seus clientes do custo extra de envio, além do preço do produto? Ou talvez pondere em oferecer os portes de envio? Talvez os ofereça acima de um certo valor? Tudo isso irá depender do seu modelo de negócio e da quantidade de encomendas que consiga expedir por dia. Tenha, também, em consideração o tempo de expedição de cada encomenda. Quanto mais baixo o tempo de expedição, por pouco mais caro que seja, é uma mais valia e irá contribuir para criar valor aos olhos do seu público e criar uma fidelização, graças ao elevado grau de satisfação que proporcionou.

4. Partilha Social e Classificação

Para ser mais fácil entender, e porque é mais conhecido em inglês, estamos a falar de social sharing e reviews. Deverá “dar” permissão aos seus clientes para fazerem reviews dos seus produtos? Está comprovado que classificar produtos leva a um aumento das vendas, pois isso aumento a confiança dos outros clientes. Contudo, isto também pode levar a comentários negativos. Mas apesar de se querer precaver, tem que ter em atenção as vantagens a nível de faturação e aumento do volume das vendas que isto poderá trazer-lhe. Tem é que estar sempre a par das críticas que os seus clientes lhe façam, quer negativas, quer positivas, e ter sempre uma resposta pronta para gestão de crises e conflitos.

A partilha social é também uma arma eficiente, pois permite que os seus clientes e seguidores partilhem os seus produtos e serviços nas diferentes redes sociais, quer no Facebook, quer no Twitter, bem como criar um álbum de produtos no Pinterest, se esse for o seu caso. Esta provado que através das partilhas nas redes sociais, as vendas aumentam, pois tal feito leva a um aumento da sua audiência e à maior notoriedade do seu negócio.

5. Fotografias, Imagens & Descrições

O nosso maior receio ao adquirir um produto numa loja online é que o mesmo não seja aquilo que esperamos dele. Não podemos vê-lo com os nossos olhos, não podemos toca-lo, e se for um perfume nem sequer cheira-lo. Por isso, há que especificar pormenorizadamente aquilo que estamos a vender. Como tal, as fotografias/imagens dos produtos, que estão na sua loja online, devem ser o mais profissionais possíveis. Se tiver muitos produtos, talvez seja um pouco dispendioso contratar um profissional para fotografar todo o seu negócio, mas se o seu negócio se centrar em poucos, talvez o investimento seja uma mais valia futura. Se não tiver condições para suportar estas despesas, lembre-se que há câmeras fotográficas com boa qualidade a preços acessíveis, tendo em atenção que deverá posicionar bastante luz e um tripé para manter o máximo profissionalismo possível. Há várias técnicas para fotografar produtos, bastante simples e que podem ser feitas em casa, com o menor orçamento possível, usando um smartphone. Tudo depende da sua força de vontade e do proveito que sabe tirar da Internet!

Claro que estes 5 tópicos são talvez os mais essenciais, mas isto não quer dizer que não encontrará outros daqui em diante, relativos aos custos e ao retorno da sua loja online, por exemplo. Uma loja online parece mais simples do que realmente parece, mas actualmente é algo que está ao alcance de todos e os custos são mínimos, por isso, dê o melhor pelo seu negócio e siga-me a minha página do Facebook e do Linkedin para acompanhar todo o meu trabalho!

The post Ecommerce: 5 Perguntas Básicas Antes de Criar a Sua Loja Online appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
http://tiagoalmeidanogueira.com/ecommerce-perguntas-antes-de-criar-loja-online/feed/ 0
5 Dicas Simples para Criar um Vídeo Viral nas Redes Sociais http://tiagoalmeidanogueira.com/5-dicas-criar-video-viral-nas-redes-sociais/ http://tiagoalmeidanogueira.com/5-dicas-criar-video-viral-nas-redes-sociais/#respond Fri, 01 Apr 2016 20:17:29 +0000 http://tiagoalmeidanogueira.com/?p=87 Se está a pensar apostar no vídeo, acredite em mim, este é o ano ideal para começar e ir a tempo de apanhar o comboio. 2016 vai ficar marcado pelo ano em que os vídeos se tornam cada vez mais virais e o video marketing ganha cada vez mais destaque entre as empresas. Os vídeos Read more about 5 Dicas Simples para Criar um Vídeo Viral nas Redes Sociais[…]

The post 5 Dicas Simples para Criar um Vídeo Viral nas Redes Sociais appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
Se está a pensar apostar no vídeo, acredite em mim, este é o ano ideal para começar e ir a tempo de apanhar o comboio. 2016 vai ficar marcado pelo ano em que os vídeos se tornam cada vez mais virais e o video marketing ganha cada vez mais destaque entre as empresas. Os vídeos são mais apetecíveis entre as diversas audiências, mas isso não é surpresa nenhuma, pois certamente que também aprecia mais o um vídeo do que uma foto ou um texto, não?

Dicas Para Videos Virais Marketing

Criar vídeos é uma tarefa fácil, pois só precisa de uma câmara fotográfica, que estão a um preço acessível a todos, e de um tripé, o que também é fácil de arranjar por menos de 15 euros e que tornará os seus vídeos muito mais profissionais. Mas isso não é tudo. Para criar vídeos virais é preciso criar algo que seja do interesse do seu público, precisa de, acima de tudo, tocar os seus sentidos, quer seja um vídeo de prevenção contra a sinistralidade rodoviária, a pobreza, bem como um vídeo de humor. Mas isso não é tudo, lembre-se disso. Para o ajudar na criação dos seus vídeos, deixo-lhe 5 dicas fundamentais:

1. Curto

Vídeos de curta duração tem um número de visualizações maior, pois reter a atenção de um indivíduo para um vídeo de 1 minuto, é mais fácil do que para um vídeo de 5 minutos. Ou porque agora não tem tempo, ou porque agora não tem paciência e disposição para o ver, e isto leva a que o grave para ver mais tarde (algo que pode nunca acontecer).  Por isso, foque-se e criar vídeos curtos, e quanto mais curto melhor, mas não se descuide do essencial, o contexto.

 

2. O início do vídeo

Os primeiros segundos são os mais importantes, e por isso não devem ser aborrecidos. Lembre-se que é nestes primeiros segundos que deverá apresentar ao seu público o tema principal do seu vídeo. Aguce-lhes o apetite com algo arrojado, provocador e que lhes desperte interesse para o final.

 

3. Imagem de Apresentação

Estes vídeos vão ser publicados diretamente nas suas redes sociais, pois assim serão considerados orgânicos e o seu alcance será melhor! Se é isto que pretende, é isto que irá ponderar fazer. Assim que colocar os seus vídeos nas redes sociais, foque-se em escolher uma imagem de apresentação do vídeo forte, que será o início do filme. Algo que mostre o seu profissionalismo e aquilo que poderá cativar os seus seguidores a carregar no “play”.

 

4. Seja Informativo

Todas as pessoas gostam de um vídeo interessante, que os cative e que os surpreenda, mas o que todos gostamos é de aprender algo novo, porque isso é algo que acrescenta valor aos olhos do seu público e que os levará a passar a palavra, neste caso compartilhar o seu trabalho. Um exemplo de vídeos virais é o Tasty, por exemplo, que cria vídeos curtos com receitas simples e deliciosas. Existe apenas desde 2015 e já conta com quase 50 milhões de subscritores. Incrível, não?

 

5. Seja Seletivo

Claro que, acima de tudo, queremos o maior número de visualizações possíveis, e muitas vezes temos tendência a partir o vídeo com todos os que nos rodeiam. Talvez isso não seja totalmente errado, mas acredite que não está 100% correto. Certo conteúdo está destinado para um certo tipo de público, e será esse o público, os seus seguidores e aqueles que acreditam no que diz, que irá compartilhar a sua informação. Por isso, seja seletivo e faça com que essa informação chegue a esses públicos e só depois, se tiver tempo, é que poderá pensar em repassar a mensagem aos demais. Seja seletivo e tenha prioridades, pois se o vídeo for do agrado do seu público, a partilha atrás de partilha levará a que o seu vídeo chegue a “todos”.

The post 5 Dicas Simples para Criar um Vídeo Viral nas Redes Sociais appeared first on Tiago Almeida Nogueira.

]]>
http://tiagoalmeidanogueira.com/5-dicas-criar-video-viral-nas-redes-sociais/feed/ 0